nTnD

.”Procuramos, neste projeto, explorar com os interlocutores o poder da palavra e do seu veículo principal, a poesia. Na primeira sessão, propor-se-á a leitura em comunidade de um conjunto de poemas e a audição de música, pensada para cada contexto particular. Num permanente diálogo, cada interveniente será, então, chamado a partilhar as diferentes narrativas e memórias evocadas, começando aqui a construção coletiva de versos ou de prosa poética, registados por escrito, sob mediação do poeta. A ideia é a de que, de sessão a sessão, os intervenientes se tornem cada vez mais protagonistas do andamento dos textos, tornando-se este espaço um verdadeiro espaço de partilha e de leitura em comunidade e em liberdade. A estrutura básica de cada sessão (num mínimo de cinco, com c. 45 minutos cada) será esta: iniciar-se-á com a leitura de um texto que poderá vir de diversas proveniências, consoante o contexto do público: a letra de uma música sugerida por um dos membros da audiência, a leitura de um texto proposto pelo poeta, a audição de uma peça musical que tenha uma ligação particular com a comunidade, etc.. ” Pedro Braga Falcão
//

Nem o Tempo nem a Distância
direção artística: Aldara Bizarro, António Fonseca, Eduardo Raon e Pedro Braga Falcão
mediação: Caroline Dominguez | Associação Música Esperança Portugal
plataformas web, edição e comunicação: Inquieta Agência Criativa
direção de projeto: Teresa Albuquerque
direção de produção: José Luís Ferreira
assistência de produção e administração: Rebeca Vendrell
um projeto blablaLab intergalactic
em co-produção com Teatro de Vila Real e Teatro Municipal de Bragança.
com o apoio da Fundação da Casa de Mateus
projeto apoiado pela República Portuguesa | Cultura | DGArtes